João Campos entrega praça que homenageia Antonio Carlos Figueira

A Prefeitura do Recife, por meio do Gabinete de Inovação Urbana e da Secretaria de Infraestrutura, entregou na manhã desta sexta (5) a requalificação da Praça Antonio Carlos Figueira, localizada próxima à Faculdade Pernambucana de Saúde (FPS), no bairro de Boa Viagem. O investimento total no projeto foi de R$ 292.328,84 e contou com apoio da Tintas Coral e Cimento Forte. O prefeito João Campos (PSB), acompanhado pela equipe técnica e familiares do homenageado, realizou a inauguração oficial, que incluiu o plantio de uma muda de ipê-rosa em homenagem ao médico e humanista.

“Uma das grandes missões da vida de Antônio Carlos Figueira era cuidar da cidade, sobretudo dos menos favorecidos e dos que mais precisam da presença de políticas públicas de qualidade. Ele sempre falava da comunidade da Rua da Linha, Tijolos e Tijolinhos e, como reitor da FPS, tinha uma grande preocupação com essa área. Esta entrega representa o cuidado com o Recife e o trabalho da Prefeitura para garantir espaços de lazer de qualidade em todas as áreas da cidade”, ressaltou João Campos.

A praça recebeu o nome do médico Antonio Carlos Figueira, que faleceu em dezembro de 2023, por meio do projeto de lei 158/2024, de autoria do vereador Zé Neto (PSB). O local agora possui um púlpito dedicado a Figueira, reconhecendo sua contribuição como gestor, membro da Academia Pernambucana de Medicina e ocupante de importantes cargos públicos e no setor de saúde, como presidente do IMIP e da FPS, além de secretário de Saúde e da Casa Civil do Governo de Pernambuco. 

Adriana Figueira, 63, viúva do homenageado, expressou sua gratidão. “É muito gratificante ver o reconhecimento do prefeito por Antonio Carlos, que trabalhou durante a vida para a comunidade e para a saúde da população, sempre com essa visão de olhar para o outro de forma ampla, além da saúde. A escolha da praça é importante, porque é uma área que vai reunir toda a comunidade que vive ao redor. Ela é um ponto de encontro, de brincadeira e de convenção entre as pessoas”, disse. 

A requalificação, realizada pelo programa Tá Aprumado, beneficia diretamente cerca de 680 famílias das comunidades da Rua da Linha, Tijolos e Tijolinhos, com a criação de um campinho com alambrado, uma área com brinquedos, espaços para a prática de exercícios físicos e duas áreas de convivência, inclusive sob o viaduto da alça norte Miguel Arraes de Alencar. 

Essa é a primeira etapa de requalificação da área que se estenderá ao entorno do viaduto que dá acesso ao Aeroporto Gilberto Freyre e passa por sobre a Avenida Mascarenhas de Morais. Por se tratar de uma das principais vias de acesso ao Recife, a testeira receberá uma pintura especial e uma mensagem de boas vindas para quem chega à cidade. O projeto foi concebido com a participação ativa dos moradores, após momentos de escuta, diálogo e diagnóstico, promovidos nas comunidades.

A ação de requalificação contou com a instalação de diversos mobiliários urbanos, incluindo mesas de piquenique e jogos, bancos e jardineiras. Além disso, foi criado um espaço dedicado à prática de exercícios físicos, com equipamentos que contemplam diversos exercícios, como abdominais, barra, alongamento e flexão, além de uma arquibancada com guarda-corpo e arte de Luciano Ferreira, próxima ao campinho. A pista de cooper foi revitalizada, recebendo uma nova pintura com marcação de metragem para facilitar a prática esportiva.

As crianças também foram escutadas e ganharam uma área só para elas, com gangorra, balanço, escorrego e trepa-trepa. Para embelezar e aumentar a área verde, foram plantadas cerca de 250 mudas ornamentais de pequeno e médio porte. A intervenção também incluiu a melhoria da iluminação pública, a instalação de papeleiras, a recuperação do meio-fio e a pintura da fachada do viaduto, destacando a área da intervenção e valorizando o espaço urbano.

A arte urbana também tomou conta do local por meio do Programa Colorindo o Recife. Os artistas Raider, Gabriel NK e Luther criaram três painéis em seis pilares do viaduto, somando cerca de 150 m² de cores e histórias. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *